PT diz que quer acelerar processo de impeachment

“Não haverá Natal, não haverá Ano Novo até o encerramento dessa situação", declarou Sibá Machado

O líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), afirmou que a bancada do PT quer resolver com rapidez o processo de impeachment da presidente Dilma Roussef. "Pedi reunião permanente de toda a bancada. Não vai ter descanso, não vai ter folga, não haverá Natal, não haverá Ano Novo até o encerramento dessa situação", afirmou Sibá ao jornal O Estado de S. Paulo.

De acordo com o líder petista, é preciso haver votação em plenário para suspender o recesso. Se isso ocorrer, o partido votará pela suspensão. O deputado informou ainda que vai anunciar na segunda-feira, 7, ao meio-dia, os nomes do PT que serão indicados para compor a comissão do impeachment.

A ação de impeachment assinada pelos juristas Miguel Reale Júnior, Hélio Bicudo e Janaina Paschoal foi aceita nessa quarta-feira (2) pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O processo foi deflagrado oficialmente nesta quinta, com a leitura da decisão de Cunha no plenário.

Mais sobre impeachment

Continuar lendo