PSB aceita apoio tucano para disputar prefeitura de BH

A Executiva Nacional do PSB decidiu recomendar ao diretório de Minas Gerais que considere realizar alianças com outras legendas para “fortalecer a candidatura de Márcio Lacerda à prefeitura de Belo Horizonte.” A aliança incluiu o PSDB, partido do governador de Minas Gerais, Aécio Neves.

“É decisão unânime da nossa Executiva dar todas as condições para que a direção estadual, que tem a nossa confiança, possa prosseguir com mais de 60 dias de diálogo político, para garantir a vitória de Márcio Lacerda”, declarou o presidente nacional do PSB e governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

Lacerda é secretário de Aécio, e conta com o apoio do tucano no pleito municipal. O candidato a vice na chapa encabeçada por Lacerda será o deputado estadual petista Roberto Carvalho.

Sem desconsiderar o apoio do PT, o PSB nacional avisa ao seu diretório em Minas que “considere essa necessidade de ampliar o arco de alianças, inclusive com o PSDB mineiro, como melhor caminho para assegurar o sucesso dessa candidatura.”

Contudo, para as próximas eleições municipais, a direção nacional do PT já avisou que não aceita alianças com os tucanos nas capitais dos estados e em cidades com mais de 200 mil habitantes.

A Executiva Nacional petista anunciou na semana passada “que não autorizará, em nenhuma hipótese, o PT a participar de qualquer coligação da qual faça parte o PSDB naquela capital [Belo Horizonte].” (leia mais) (Rodolfo Torres)

Confira a nota divulgada pelo PSB

A Comissão Executiva Nacional do Partido Socialista Brasileiro – PSB, considerando o que estabelece sua Resolução de 31 de agosto de 2007, que disciplina política de alianças do Partido para as eleições municipais de 2008 e,

Considerando a posição do PSB em Minas Gerais de lançar a candidatura do companheiro Márcio Lacerda à Prefeitura de Belo Horizonte e o apoio que esta candidatura recebeu da Direção Nacional do PT e de sua pré-convenção de Belo Horizonte.

Considerando ainda a avaliação que lhe faz a direção socialista de Minas Gerais,

Decide:

1. Exortar todas as forças políticas comprometidas com esta candidatura a ampliar o leque de alianças político-eleitoral, visando ao fortalecimento da candidatura de Márcio Lacerda;

2. Recomendar à seção estadual do PSB que, na condução do processo político eleitoral, considere essa necessidade de ampliar o arco de alianças, inclusive com o PSDB mineiro, como melhor caminho para assegurar o sucesso dessa candidatura e a continuidade das administrações progressistas de BH.

Brasília – DF, 29 de abril de 2008

Eduardo Campos
Presidente Nacional do PSB

Continuar lendo