Produção industrial cresceu em 11 das 13 cidades pesquisadas em 2013

Agroindústria cai 0,2% em 2013, mostra o IBGE

A produção industrial cresceu em 11 dos 13 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2013. Destacaram-se o Rio Grande do Sul (com alta de 6,8%), o Paraná (5,6%), Goiás (5%) e Bahia (3,8%). Os números foram anunciados pelo IBGE nesta sexta-feira (7).

Também tiveram altas acima da média nacional de 1,2% os estados do Ceará (3,3%) e de Santa Catarina (1,5%). Outros locais com crescimento em 2013 foram a Região Nordeste (0,8%) e os estados de São Paulo (0,7%), Pernambuco (0,7%), do Amazonas (0,7%) e Rio de Janeiro (0,1%).

Três estados tiveram queda na produção industrial: Espírito Santo (-6,7%), Pará (-4,9%) e Minas Gerais (-1,3%).

Comparando apenas os meses de dezembro e novembro, houve queda em 11 locais. A maior alta foi observada em Goiás (8,2%) e a maior queda, em Minas Gerais (com queda de 8,6%).

Na comparação de dezembro de 2013 com o mesmo período de 2012, houve queda em oito locais. O destaque positivo foi o Rio Grande do Sul, com aumento de 11% e o destaque negativo, Minas Gerais, com recuo de 7,2% na produção.

Agroindústria cai

A agroindústria brasileira teve uma queda de 0,2% em 2013, um desempenho pior do que o observado pela indústria geral, que teve uma alta de 1,2% no período. Essa também foi a terceira queda consecutiva da agroindústria, que já havia recuado 0,6% em 2012 e 2,2% em 2011.

Segundo dados do IBGE, os setores vinculados à agricultura, que têm o maior peso na agroindústria, tiveram um recuo de 1,3%.

Os demais setores tiveram desempenho positivo: pecuária (0,7%), inseticidas, herbicidas e outros defensivos para uso agropecuário (3,9%) e desdobramento da madeira (10,8%).

Entre os setores vinculados à agricultura responsáveis pela queda da agroindústria estão os derivados da soja (-8,5%), celulose (-2,5%), laranja (-16,1%) e fumo (-7,4%). A produção dos derivados de soja foi prejudicada pela queda nas exportações.

Mais sobre indústria

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!