Pesquisas apontam empate em cinco capitais

Em Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Curitiba e São Luís, diferença entre candidatos está na margem de erro. Nas quatro primeiras, o segundo mais votado no primeiro turno aparece numericamente à frente. Veja os levantamentos mais recentes nas 18 capitais

 

 

 

Em pelo menos dez das 18 capitais onde haverá segundo turno no próximo domingo (30), a situação é de indefinição, de acordo com as mais recentes pesquisas de intenção de voto divulgadas. A emoção promete ser ainda maior em cinco delas, onde o cenário é de empate técnico e sinaliza possibilidade de virada em relação ao primeiro turno. Em Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Curitiba e São Luís, a diferença entre os dois candidatos a prefeito está dentro da margem de erro. Nas quatro primeiras, o segundo mais votado no primeiro turno aparece agora numericamente à frente de seu adversário.

De acordo com os levantamentos mais recentes dos institutos Datafolha e Ibope (confira abaixo), nos quais se baseou o Congresso em Foco, oito candidatos chegam à reta final da disputa com uma vantagem considerável em relação aos seus oponentes. São eles: Marcelo Crivella (PRB), no Rio, Gean Loureiro (PMDB), em Florianópolis, Clécio Luís (Rede), em Macapá, Emanuel Pinheiro (PMDB), em Cuiabá, Rui Palmeira (PSDB), em Maceió, Dr. Hildon (PSDB), em Porto Velho, Geraldo Júlio (PSB), em Recife, e Marquinhos Trad (PMDB), em Campo Grande. Nas últimas pesquisas, eles apareciam com mais de dez pontos de folga na primeira colocação.

Entre os oito prefeitos que disputam a reeleição, ao menos sete lideram nas intenções de voto. Isso porque o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho (PSDB), aparece numericamente na segunda colocação, atrás do deputado e ex-prefeito Edmilson Rodrigues (Psol). Mas a diferença entre eles é mínima e está dentro da margem de erro. Há, portanto, empate técnico.

O cenário mais tranquilo se desenha para o prefeito de Maceió, Rui Palmeira. Na pesquisa Ibope divulgada na semana passada ele desponta com o dobro das intenções de voto do ex-prefeito e atual deputado Cícero Almeida (PMDB) – 56% a 28%.

Risco de virada

Entre as capitais que podem ter virada, destaque para Belo Horizonte e Curitiba. Na capital mineira, o ex-presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil (PHS), que teve apenas 20 segundos de tempo no horário eleitoral do primeiro turno, já aparece tanto no Ibope quanto no Datafolha três pontos à frente do tucano João Leite, ex-goleiro do clube. Dono de uma língua afiada e de um discurso “antipolítico”, Kalil pode impor a terceira derrota consecutiva em casa a Aécio Neves (PSDB). A diferença está dentro da margem de erro, que também é de três pontos.

O mesmo cenário ocorre na capital paranaense, onde o ex-prefeito Rafael Greca (PMN), o mais votado no primeiro turno, encontra agora dificuldades para superar Ney Leprevost (PSD), que tem cinco pontos de frente.

O PT, a julgar pelo último levantamento em Recife, deve se contentar com a única prefeitura que conquistou no primeiro turno, Rio Branco, com Marcus Alexandre. A situação do único petista que disputa uma capital neste domingo é delicada. O ex-deputado e ex-prefeito de Recife João Paulo Lima tem 36% das intenções de voto, segundo o Ibope, enquanto Geraldo Júlio (PSB), candidato à reeleição lidera com 54%.

Veja a relação de pesquisas eleitorais nas capitais que voltarão às urnas neste domingo:

Aracaju (SE) – empate técnico
Valadares Filho (PSB): 44%
Edvaldo Nogueira (PCdoB): 41% *
Brancos e nulos: 13%
Indecisos: 2%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (SE-05692/2016)
Pesquisa realizada entre 17 e 20 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Belém (PA) – empate técnico
Edmilson (Psol): 46%
Zenaldo Coutinho (PSDB): 43% - candidato à reeleição *
Brancos e nulos: 6%
Indecisos: 4%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (PA-08127/2016)
Pesquisa realizada entre 11 e 13 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Belo Horizonte (MG) – empate técnico
Alexandre Kalil (PHS): 39%
João Leite (PSDB): 36% *
Brancos e nulos: 20%
Indecisos: 5%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Ibope (MG-02594/2016)
Pesquisa realizada entre 24 e 26 de outubro
Eleitores ouvidos: 1.001

Alexandre Kalil (PHS): 34%
João Leite (PSDB): 31%
Brancos e nulos: 20%
Indecisos: 14%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Datafolha (MG-05855/2016)
Pesquisa realizada em 25 de outubro
Eleitores ouvidos: 1.119

Campo Grande (MS)
Marquinhos Trad (PSD): 50% *
Rose Modesto (PSDB): 29%
Brancos e nulos: 16%
Indecisos: 5%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (MS-00372/2016)
Pesquisa realizada entre: 11 e 13 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Cuiabá (MT)
Emanuel Pinheiro (PMDB): 51% *
Wilson Santos (PSDB): 32%
Brancos e nulos: 12%
Indecisos: 5%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (MT-01494/2016)
Pesquisa realizada entre: 11 e 13 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Curitiba (PR) – empate técnico
Ney Leprevost (PSD): 44%
Rafael Greca (PMN): 39% *
Brancos e nulos: 12%
Indecisos: 5%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Ibope (PR-08766/2016)
Pesquisa realizada entre: 18 e 20 de outubro
Eleitores ouvidos: 805

Florianópolis (SC)
Gean Loureiro (PMDB): 49% *
Angela Amin (PP): 30%
Brancos e nulos: 17%
Indecisos: 4%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (SC-08402/2016)
Pesquisa realizada entre: 18 e 20 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Fortaleza (CE)
Roberto Claudio (PDT): 45% - candidato à reeleição *
Capitão Wagner (PR): 36% - atual vice-prefeito
Brancos e nulos: 12%
Indecisos: 8%
Ibope (CE-08669/2016)
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Pesquisa realizada nos dias 20 e 21 de outubro
Eleitores ouvidos: 864

Goiânia (GO)
Iris Rezende (PMDB): 48% *
Vanderlan (PSB): 35%
Brancos e nulos: 12%
Indecisos: 5%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (GO-09624/2016)
Pesquisa realizada entre: 18 e 20 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Macapá (AP)
Clécio Vieira (Rede): 52% - candidato à reeleição *
Gilvam Borges (PMDB): 38%
Brancos e nulos: 6%
Indecisos: 4%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (AP-08955/2016)
Pesquisa realizada entre 14 e 16 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Maceió (AL)
Rui Palmeira (PSDB): 56% - candidato à reeleição *
Cícero Almeida (PMDB): 28%
Brancos e nulos: 13%
Indecisos: 3%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (AL-04054/2016)
Pesquisa realizada entre 14 e 16 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Manaus (AM)
Artur Neto (PSDB): 50% - candidato à reeleição *
Marcelo Ramos (PR): 39%
Brancos e nulos: 8%
Indecisos: 3%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Ibope (AM-04239/2016)
Pesquisa realizada entre 14 e 16 de outubro
Eleitores ouvidos: 805

Porto Alegre (RS)
Nelson Marchezan Jr (PSDB): 44% *
Sebastião Melo (PMDB): 33%
Brancos e nulos: 18%
Indecisos: 5%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (RS-08376/2016)
Pesquisa realizada entre: 18 e 20 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Porto Velho (RO)
Dr. Hildon (PSDB): 51% *
Léo Moraes (PTB): 35%
Brancos e nulos: 10%
Indecisos: 4%
Margem de erro: pontos percentuais
Ibope (RO- 06540/2016)
Pesquisa realizada entre 14 e 16 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

Recife (PE)
Geraldo Júlio (PSB): 54% - candidato à reeleição *
João Paulo (PT): 36%
Brancos e nulos: 8%
Indecisos: 2%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Ibope (PE-00151/2016)
Pesquisa realizada entre 22 e 24 de outubro
Eleitores ouvidos: 1.001

Rio de Janeiro (RJ)
Marcelo Crivella (PRB): 46% *
Marcelo Freixo (Psol): 29%
Brancos e nulos: 22%
Indecisos: 3%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Ibope (RJ-03731/2016)
Pesquisa realizada entre: 26 e 27 de outubro
Eleitores ouvidos: 1.204

Marcelo Crivella (PRB): 46%
Marcelo Freixo (Psol): 27%
Brancos e nulos: 19%
Indecisos: 8%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Datafolha (RJ-09035/2016)
Pesquisa realizada em 25 de outubro
Eleitores ouvidos: 1.280

São Luís (MA) – empate técnico
Edivaldo Holanda Junior (PDT): 48% - candidato à reeleição *
Eduardo Braide (PMN): 44%
Brancos e nulos: 5%
Indecisos: 3%
Margem de erro: 3 pontos percentuais
Ibope (MA-03448/2016)
Pesquisa realizada entre 25 e 27 de outubro
Eleitores ouvidos: 805

Vitória (ES)
Luciano Rezende (PPS): 51% - candidato à reeleição *
Amaro Neto (SD): 38%
Brancos e nulos: 8%
Indecisos: 3%
Margem de erro: 4 pontos percentuais
Ibope (ES-04473/2016)
Pesquisa realizada entre 11 e 13 de outubro
Eleitores ouvidos: 602

* Candidato mais votado no primeiro turno

Mais sobre eleições 2016

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!