Palocci afirma que Lula desviou dinheiro de instituto, diz revista

 

Em sua proposta de acordo de delação premiada, o ex-ministro Antonio Palocci afirma que o ex-presidente Lula desviou dinheiro do instituto que leva seu nome. Segundo Palocci, Lula pagava suas despesas pessoais e de seus familiares com o dinheiro doado à entidade.

A administração dos desvios, diz Palocci, era feita pelo presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, que nega irregularidades nas movimentações financeiras do instituto.

O acordo de delação premiada de Palocci começou a ser negociado com o Ministério Público Federal em maio, mas só foi destravado no início deste mês. Ele foi preso na Operação Omertà, 35ª fase da Lava Jato, deflagrada em 26 de setembro de 2016.

Lula, que prestou depoimento na última quarta-feira (13), afirmou ao juiz federal Sergio Moro que o ex-ministro mente para conseguir benefícios e que as acusações feitas por ele são “a peça de ficção mais hilariante que eu vi”.

Veja a íntegra do depoimento de Lula:

<< Lula fala a Moro e critica Palocci: “Calculista e frio”

<< Pacto de sangue por R$ 300 milhões, trama contra a Lava Jato e muito mais: a íntegra do depoimento de Palocci

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!