Oposição vai tentar emplacar CPI mista da Corrupção

Estratégia dos partidos oposicionistas é criar um site com os nomes dos parlamentares que apoiam a investigação sobre as denúncias de corrupção no governo

Juliana Curi

Líderes oposicionistas do Democratas, PSDB, PPS e PSOL se reuniram na manhã desta quinta-feira para decidir medidas a serem tomadas a respeito das recentes denúncias de corrupção envolvendo o Ministério dos Transportes, e agora o do Turismo. ACM Neto (DEM-BA), Demóstenes Torres (DEM-GO), Álvaro Dias (PSDB-PR), Duarte Nogueira (PSDB-SP) e Chico Alencar (PSOL-RJ) decidiram, por unanimidade, tentar instalar a CPI mista da Corrupção. Os líderes asseguram que já começaram a coleta de assinaturas. Cientes de que será um desafio a tarefa de convencer 171 deputados e 27 senadores a assinarem o requerimento para a criação da CPI, os oposicionistas irão utilizar um artifício diferente: criarão um site para divulgar os nomes dos parlamentares que apoiarem ou não as investigações. O líder do DEM no Senado, Demóstenes Torres, acredita que a estratégia pode dar certo: “Vamos exibir para o Brasil quem quer a faxina (nos ministérios) e quem só está falando da boca para fora”.

Os parlamentares afirmam que o site não será vinculado a partidos. O objetivo será mostrar para a população quem defende ou não a criação da CPI. A comissão seria formada para investigar todos os partidos da base aliada ao governo, bem como os ministérios com indícios de corrupção. “Queremos investigar todas as denúncias e o processo de corrupção, já que está claro que foi herdada do governo passado”, disse o presidente do Democratas, senador Agripino Maia (RN), em entrevista coletiva depois da reunião.

Já foi dada a largada, e agora a oposição começa uma corrida contra o tempo para reunir as 198 assinaturas necessárias para que a CPI seja criada. Depois de coletadas as assinaturas, o requerimento para a criação da comissão será protocolado na Mesa Diretora do Senado.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!