O samba-enredo em homenagem ao deputado Jorginho Mello

"A academia... que, ‘faz a hora, não espera acontecer’ faz a homenagem pra você... Jorginho Mello... Destaque nacional... ‘Acadêmico’ de fé, guerreiro... Verdadeiro amigo do carnaval!", diz letra de música vetada pelo Ministério Público no Carnaval catarinense

"Da praça do Herval ao Planalto Central...
O "negrinho"! - Menino Jorginho!... Amigo do peito do carnaval!

Vou cantar... A história desse amigo meu
Traço de luta e vitórias, que na memória... prevaleceu

Nasceu nesse chão iluminado...
Do caboclo contestado... Da miscigenação
E, sob a benção de Nossa Senhora...
Traçou seu caminho com devoção
O menino cresceu, seu destino trilhou ôôô
Vendeu doce na praça... Brincou e fez pirraça
Ser artista ele sonhou

Ainda jovem defendeu... Sua gente
Liderou bons ideais...
Venceu barreiras... Cruzou fronteiras
‘Sem perder a ternura jamais’

Na ‘ilha’... O ‘negrinho’ seguiu trabalhando
Com carinho, no povo pensando...
A ‘bolsa, Jorginho’ criou
Incentivando a cultura e a igualdade social

Fez na ‘rota, amizade’... Sem igual
E do Herval, se lançou mais alto...
Chegou ao Planalto Central

A academia... que, ‘faz a hora, não espera acontecer’
Faz a homenagem pra você...
Jorginho Mello... Destaque nacional
‘Acadêmico’ de fé, guerreiro...
Verdadeiro amigo do carnaval!

Quando um sonho invade a alma... É inspiração
É pura emoção!
Na avenida... uma canção
Em vermelho e branco...
‘É nosso’!... E bate forte!’ no coração!

No vídeo abaixo, trechos do show de apresentação do samba-enredo, em outubro, e entrevista em que Jorginho Mello dizia que esse tipo de reconhecimento era o "pagamento" que ele recebia pela "profissão" de ser político.

Ministério Público barra samba-enredo que exaltava deputado

Unidos do Ministério Público contra o "amigo do peito do Carnaval"

Mais sobre Carnaval

Mais sobre folia com dinheiro público

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!