Movimento organiza Bloco Fora Temer para abrir carnaval no RJ

Por meio das redes sociais, organizadores estimam que mais de 100 mil pessoas vão aderir ao protesto que contará com carro alegórico e camisetas personalizadas para os foliões

Um movimento lançado no Facebook e intitulado “Grande Bloco Popular Fora Temer” já conta com adesão de quase duas mil pessoas para um encontro no dia 24 de fevereiro, véspera de Carnaval. De acordo com a página da rede social, o objetivo é reunir 100 mil pessoas para fazer a abertura do Carnaval e protestar contra o presidente Michel Temer. O evento está previsto para ocorrer no bairro da Cinelândia, no Rio de Janeiro.

O grito do Carnaval será "Nenhum direito a menos. Fora Temer!”. Um dos organizadores, identificado como Roberto Ponciano, diz em uma das postagens publicada na página que o evento não será em formato de assembleia e que estará aberto a todos. "Não é uma disputa, é um momento de usar o carnaval para protestar", diz Ponciano, que também convoca os interessados a participar de uma conversa "organizativa", no dia 7 de fevereiro, na Central Única dos Trabalhadores do Rio de Janeiro.

Em outra postagem, o mesmo organizador relata que parte da organização do protesto está sendo concluída. Haverá estrutura de carro de som e camisetas personalizadas. “As coisas estão andando, o Bloco vai sair!”, diz um trecho.

Desde que assumiu – em maio de 2016 e, na ocasião, ainda interinamente –, Temer tem enfrentado protestos contra seu governo. Em setembro, Michel Temer assumiu a Presidência oficialmente, após o impeachment da então presidente Dilma Rousseff.

Os manifestantes acusam o governo de ser "ilegítimo" e "golpista". Além disso, afirmam que protestarão contra a reforma da previdência e a reforma trabalhista anunciadas por Temer em dezembro de 2016 e enviada ao Congresso Nacional.

Mais sobre presidente Michel Temer

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!