Ministro Edson Fachin nega habeas corpus a Zé Trovão

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin negou, na noite desta sexta-feira (10) o pedido de habeas corpus impetrado pelos deputados Carla Zambelli (PSL-SP)  e Vitor Hugo (PSL-GO) em favor de Zé Trovão. O caminhoneiro, que foi alvo de pedido de prisão expedido pelo ministro Alexandre de Moraes segue foragido no México.

Em sua decisão, Fachin não concedeu o habeas corpus porque a "via eleita não é adequada, e o pedido é manifestamente incabível."

"Incognoscível habeas corpus voltado contra decisão proferida por Ministro do Supremo Tribunal Federal ou por uma de suas Turmas, seja em recurso ou em ação originária de sua competência", alegou Fachin que não chegou a apreciar o teor do habeas corpus em favor do líder dos caminhoneiros.

Zé Trovão é acusado de  organizar e liderar o movimentos dos caminhoneiros e  insuflar a categoria a realizar paralisações e  atos violentos durante as manifestações do dia Sete de Setembro.  Diariamente, no seu canal no Telegram, o caminhoneiro distribuía comandos aos seu seguidores para exigir do Senado que fosse aprovado o pedido de impeachment do ministro do STF Alexandre de Moraes.

PSB adere e confirma participação na manifestação do dia 12 contra Bolsonaro 

 

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito.
Mantenha o Congresso em Foco na frente.
JUNTE-SE A NÓS

Continuar lendo