Menos da metade dos atuais prefeitos foi reeleita no primeiro turno

Índice de reeleição caiu de 55% em 2012 para 46,85% em 2016, aponta levantamento da Confederação Nacional de Municípios. Seis capitais tiveram os atuais prefeitos reconduzidos ao cargo

Dos 2.181 candidatos que concorreram à reeleição no último domingo (2), 1.022 tiveram êxito (46,85%) logo no primeiro turno. Comparado aos números de 2012, o índice representa uma queda de reeleições. Nas últimas eleições municipais, 2.736 prefeitos concorreram ao segundo mandato e 2.181 venceram no primeiro turno, ou seja, 55% dos mandatários.

Levantamento consolidado pela Confederação Nacional de Municípios mostra que os estados que mais reelegeram prefeitos foram Minas Gerais (166), São Paulo (114) e Paraná (89). Amapá e Roraima tiveram, ambos, apenas um caso de reeleição.

Seis capitais tiveram os prefeitos reconduzidos aos mandatos no primeiro turno: Rio Branco, Salvador, João Pessoa, Teresina, Natal, Boa Vista e Palmas. Em outras seis capitais, candidatos à reeleição vão disputar o segundo turno: Maceió, Manaus, Fortaleza, Vitória, Belém e Recife.

Outras 12 capitais também terão segundo turno, mas os concorrentes não disputam a reeleição. Este é o caso de Macapá, Goiânia, São Luís, Belo Horizonte, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Rio de Janeiro, Porto Velho, Porto Alegre, Florianópolis e Aracaju. Ao todo, 55 municípios terão segundo turno neste ano, contra 50 em 2012.

Mais sobre Eleições 2016

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!