Manifestantes: “Até o papa renunciou. Feliciano, a sua hora já chegou”

Grupo de cerca de 100 pessoas ocupou quatro faixas da pista da Esplanada dos Ministérios para pedir a renúncia do presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara

Um grupo de cerca de 100 pessoas ocupou quatro faixas da pista da Esplanada dos Ministérios, entre o Congresso Nacional e o Itamaraty, para pedir a renúncia do deputado Marco Feliciano (PSC-SP) da presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara. Com cartazes e faixas, os manifestantes acusavam o deputado de racismo e homofobia. "Até o papa renunciou. Feliciano, a sua hora já chegou", gritavam, entre outras palavras de ordem. Cerca de 20 seguranças se posicionaram em frente ao Anexo III da Câmara para impedir a entrada do grupo.

Veja as imagens do protesto:

Veja ainda:

Em carta, líderes evangélicos cobram saída de Feliciano da CDH

Conselho de igrejas quer saída de Feliciano da CDH

Curta o Congresso em Foco no Facebook

Siga o Congresso em Foco no Twitter

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!