Levy e Barbosa debatem cortes orçamentários com parlamentes

Reunião foi convocada pela presidente da comissão, senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), para que ministros esclareçam novas medidas do pacote de ajuste fiscal. Por decisão dos líderes partidários, o encontro é reservado

Os ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e do Planejamento, Orçamento e Gestão, Nelson Barbosa, participam na manhã desta quinta-feira (17), na Comissão Mista de Orçamento (CMO) do Congresso Nacional, de reunião destinada a prestar esclarecimentos aos parlamentares sobre as medidas econômicas anunciadas pelo governo para cobrir déficit de R$ 30,5 bilhões nas contas públicas.

A reunião foi convocada pela presidente da comissão, senadora Rose de Freitas (PMDB-ES). Por decisão do Colégio de Líderes, a reunião é reservada. Apenas parlamentares têm acesso às dependências do plenário 2 da Ala C da Câmara.

O deputado Sílvio Costa (PSC-PE), vice-líder do governo, disse que discorda do caráter reservado da reunião. “O governo não tem nada que ver com [a decisão de manter a reunião reservada]. Se a oposição disser isso [é] para fazer espuma, o governo não pediu isso”, disse o parlamentar.

Esta semana, o governo anunciou que o orçamento de 2016 terá um corte de R$ 26 bilhões. Entre as propostas de reduzir despesas e aumentar receitas a expectativa do governo é obter R$ 64,9 bilhões, de modo a fechar 2016 com as contas equilibradas. O objetivo dos cortes é viabilizar superávit primário (economia para pagar os juros da dívida) de 0,7% do Produto Interno Bruto (PIB) - soma dos bens e riquezas produzidos em um país - no ano que vem.

Mais sobre economia brasileira

Mais sobre ajuste fiscal

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!