Julgamento do STF reforça pedidos de CPI da Lava Toga nas redes sociais

O resultado da sessão desta quinta-feira (26) do Supremo Tribunal Federal (STF), que formou maioria no julgamento que pode levar à anulação de condenações da Lava Jato como a de Lula, logo virou assunto nas redes sociais. A hashtag #STFVergonhaNacional ficou entre os trend topics do Twitter, porque muitos internautas que defendem a manutenção das sentenças da Lava Jato fizeram críticas aos votos da Suprema Corte. Alguns deles, inclusive senadores, ainda aproveitaram o momento para retomar os pedidos pela CPI da Lava Toga.

> Maioria do STF vota favorável a tese que pode beneficiar Lula

Autor do requerimento que pede a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a atuação do Judiciário, sobretudo a do presidente do STF, ministro Dias Toffoli, o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) alegou que a Suprema Corte estava rasgando a lei neste julgamento. “O STF decidiu anular a condenação de um criminoso por um juridiquês não previsto na lei e sem demonstração de prejuízo à defesa. Rasgam lei e jurisprudência, escancarando a divisão entre o Brasil que quer mudar e aqueles que desejam voltar ao tempo da impunidade”, escreveu o senador nas redes sociais, pedindo logo depois a instalação da CPI da Lava Toga.

Líder do PSL no Senado, Major Olimpio (SP) também se manifestou sobre o assunto nas redes sociais. Ele disse que a decisão do STF era uma “vergonha”, alegando que a decisão pode beneficiar políticos, ladrões, corruptores e também traficantes, além de “chefões de facções criminosas que puderem pagar grandes advogados”. “O STF faz o Brasil virar o país onde o crime compensa. […] E mesmo com todos os absurdos do STF, tem quem me encha o saco porque vamos instalar a CPI Lava Togas”, afirmou Major Olimpio.

Já o senador Kajuru (Cidadania-DF) compartilhou um post do movimento Vem pra Rua que diz: “O STF está matando a Lava Jato e apenas 26 senadores tiveram a coragem de assinar o requerimento para criar uma CPI e investigar um de seus ministros. Onde estão os demais senadores? Vamos pressioná-los?”.

> Toffoli vira alvo em pedido de CPI

Os senadores, contudo, ainda não têm as 27 assinaturas necessárias para protocolar o pedido de CPI da Lava Toga. É que, depois de alguns parlamentares terem sido pressionados, inclusive por Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), para enfraquecer o pedido, o requerimento perdeu a assinatura de dois senadores: Maria do Carmo (DEM-SE) e Elmano Férrer (Podemos-PI). Autor do pedido, Vieira tem tentado o apoio de outros senadores para protocolar e também pressionar o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), a ler o pedido de CPI. No início do ano, Alcolumbre já minimizou outros dois pedidos desse tipo de Vieira.

> Lançamos nosso primeiro crowdfunding. Contribua para o jornalismo independente!

Alessandro VieiraCPICPI da Lava TogaJorge KajurujulgamentoLulaMajor OlímpioSTF