Romero Jucá vai dar parecer sobre CPIs da Petrobras

Comissão terá de decidir sobre questionamentos às CPIs da Petrobras. Presidente da CCJ marcou para amanhã análise das questões de ordem

O presidente da comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado, Vital do Rêgo (PMDB-PB), designou o senador Romero Jucá (PMDB-RR) para a relatoria de questões de ordem sobre as CPIs propostas para investigar a Petrobras e outras denúncias de irregularidades em obras públicas.

 

Conforme o entendimento do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-RN), o pedido de CPI com foco ampliado, apresentado por senadores da base aliada, deve prevalecer. Mas ele transferiu a a decisão para a CCJ.

De acordo com a secretaria da comissão, Vital escolheu Jucá porque o peemedebista não assinou nenhum dos pedidos de CPI. A CCJ deve realizar reunião extraordinária nesta terça-feira (8) para tratar do tema.

Vital adiantou que só concederá pedidos de vista por algumas horas para não atrasar o encaminhamento do caso ao plenário.

Pela decisão de Renan, que rejeitou as questões de ordem apresentadas pela base  aliada e pela oposição, a CPI da Petrobras, além de supostas irregularidades na estatal, investigaria também contratos dos metrôs de São Paulo e do Distrito Federal, porto de Suape, em Pernambuco, e suspeitas de fraudes em convênios que contam com recursos da União.

Os partidos de oposição no Senado pretendem entrar amanhã com um recurso no Supremo Tribunal Federal para tentar garantir a instalação de uma CPI com o objetivo de apurar exclusivamente a Petrobras, com enfoque na compra da refinaria de Pasadena, no Texas (EUA), suspeita de superfaturamento. (Com Agência Senado)

Leia mais sobre Petrobras

Nosso jornalismo precisa da sua assinatura

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!