Jornais: Cachoeira diz em grampo que dinheiro é para governador de Goiás

“É pro governador. Vamos lá pagar logo pra ele no palácio”, afirma Cachoeira em escuta, segundo informa a Folha

FOLHA DE S. PAULO

 

"É para o governador", diz Cachoeira sobre dinheiro

Escutas da Polícia Federal mostram que o empresário Carlinhos Cachoeira orientou um de seus operadores a entregar dinheiro a um assessor direto do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), em julho de 2011.

“É pro governador. Vamos lá pagar logo pra ele no palácio”, afirma Cachoeira. O tucano nega ter negociado com ele e diz que o operador do empresário só intermediou a venda de um imóvel seu para outra pessoa.

Outros grampos indicam que Perillo atuou em favor da construtora Delta após pressão de Cachoeira. A defesa do governador diz que não há relação entre os dois. Para o advogado do empresário, as escutas são ilegais.

O Supremo autorizou o envio do inquérito que investiga o senador Demóstenes Torres (ex-DEM) à CPI do Cachoeira.

Mônica Bergamo: Cachoeira caiu na gargalhada ao ver a lista de parlamentares da CPI

Percurso ao trabalho exige mais de 1 hora para 7 milhões

Dados do Censo 2010 mostram que cerca de 7 milhões de brasileiros gastam mais de ma hora entre a casa e o trabalho. O dado representa 11,4% das pessoas que trabalham fora de casa.

A pesquisa mostra que a mortalidade infantil caiu 47,5% em dez anos. Em 2010, de cada mil crianças nascidas vivas, 15,6 morreram antes de um ano. Em 2000, foram 29,7.

Senador avisava empresário de operações contra os seus negócios

Escuta revela que o senador Demóstenes Torres avisava Carlinhos Cachoeira de operações do Ministério Público contra o seu grupo. Um delegado da PF atuava como informante do senador.

Segundo a PF, Demóstenes recebeu R$ 3,1 milhões de Cachoeira. O senador nega. A defesa do Cachoeira não comentou.

Indicador ruim da Europa e dos EUA preocupa mercado

Dados de Europa e EUA desanimaram a economia global ao apontar a dificuldade de superação da crise.

Na Espanha, o desemprego (24,4%) é o maior em 18 anos. O PIB americano perdeu força no primeiro trimestre. Na Romênia, a crise derrubou o premiê.

Crédito para carros é o menor desde dezembro de 2009

Os empréstimos para a compra de carros em março caíram para o menor nível em mais de dois anos. A taxa de inadimplência do mesmo mês alcançou o recorde de 5,7% o que levou as financeiras a serem mais rigorosas na hora de aprovar o crédito.

 

 

O ESTADO DE S. PAULO

 

Mortalidade infantil cai 47,5% no País

Dados do Censo 2010 divulgados ontem mostram uma queda recorde do índice de mortalidade infantil no País. Em 2010, a taxa chegou a 15,6 mortes de bebês de menos de um ano por mil nascidos vivos, uma redução de 47,5% em relação a 2000. A brusca diminuição no Nordeste, de 58,6%, foi determinante para o resultado nacional. Em 50 anos, o recuo foi de 88%. Expansão das políticas públicas de prevenção, ampliação das transferências diretas de renda, maior escolaridades das mães, redução da taxa de fecundidade e melhoria do saneamento foram fatores decisivos para o desempenho na última década. Para a presidente do IBGE, Wasmália Bivar, as mães estão tendo menos filhos para cuidar e podem dar mais atenção a cada um deles. Apesar do recuo significativo, a taxa brasileira continua muito distante da de países da América Latina como Cuba (5,04 mortes por mil nascidos vivos) e Chile (6,99).

Renda das mulheres

O rendimento médio do trabalho das mulheres brasileiras cresceu 13,5% em 2010 ante 2000 – muito além dos 4,1% dos homens, constatou o IBGE. A renda mensal média feminina, que equivalia a 67,7% da dos homens no início da série, passou a 73,8%. (Págs. 1, Vida A20)

Em áudio, Demóstenes diz que ‘bate’ em Gurgel

Áudio obtidos pelo Estado mostram que o senador Demóstenes Torres (sem partido), em conversa com Carlinhos Cachoeira, afirmou que tinha de “bater” no procurador-geral da República, Roberto Gurgel, para que ele não se animasse a investigá-lo, informam Alana Rizzo e Fábio Fabrini. O diálogo se deu depois que o senador criticou Gurgel por ter arquivado investigação contra o então ministro Antonio Palocci. Na ocasião, a PF já investigava a proximidade de Demóstenes com o contraventor.

Universidades de SP descartam cota

Um dia após o Supremo Tribunal Federal decidir pela legalidade das cotas raciais, a USP, a Unesp e a Unicamp descartaram adotar o sistema de seleção.

Ativista chinês foge e pode estar na Embaixada dos EUA

Mantido sob estrita vigilância em sua casa havia 19 meses, Chen Guangcheng, um dos mais proeminente ativistas políticos da China, conseguiu escapar no domingo e se esconder em um lugar desconhecido de Pequim. Há rumores de que ele esteja na Embaixada dos EUA.

Ângela Merkel desiste de participar da Rio+20

 

Prazo para entrega do IR termina na segunda

 

 

O GLOBO

 

Mortalidade cai, brasileiro volta e a renda sobe

Nos últimos dez anos, com a economia mais estável e políticas públicas, o Brasil conseguiu uma vitória: a mortalidade infantil caiu pela metade, já superando a meta do milênio, prevista para 2015. Dados do Censo do IBGE, divulgados ontem, mostram que este é um dos principais avanços da década. A renda real (descontada a inflação) subiu 5,5% e a proporção de trabalhadores com carteira passou de 54,8% para 63,9%. A melhora econômica trouxe de volta brasileiros que viviam no exterior: 174 mil retornaram ao país entre 2005 e 2010.

Transporte e educação ainda longe do ideal

Entre maiores de 15 anos, só 55% concluíram o fundamental

Em dez anos, os avanços do Brasil também se refletiram na educação: o percentual de pessoas que concluíram o ensino superior dobrou de 4% para 8%. Mas, para quase metade da população, ensino fundamental ainda é artigo de luxo: 45% não concluíram este nível. Eram 60% em 2000. A infraestrutura é outro problema que o país não conseguiu resolver: um em cada dez brasileiros gasta pelo menos uma hora no trajeto de casa até o trabalho. No Estado do Rio, a proporção chega a 23%. Embora a renda tenha crescido 5,5%, 72% dos trabalhadores ganhavam até mil reais em 2010.

Enquanto isso, no Brasil das CPIs... Demóstenes ganhou R$ 3 milhões de Cachoeira

Gravações feitas pela Operação Monte Carlo fortalecem a parceria entre o bicheiro Carlinhos Cachoeira e o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) para favorecer a Delta Construções. Elas indicam, e o procurador-geral Roberto Gurgel corrobora, que Cachoeira teria repassado ao senador R$ 3,1 milhões. Segundo a PF, Demóstenes usou o mandato para impedir a convocação pelo Senado, em 2011, do agora ex-presidente da Delta Fernando Cavendish. Ontem o Supremo Tribunal Federal liberou à CPI a íntegra do inquérito – que vazou em site antes mesmo de chegar ao Congresso.

Quem dá mais?

Ruim de caixa desde mudanças no Dnit, em 2011, a Delta, um dos alvos da CPI, já está à venda, informa Ancelmo Góis.

China: opositor cego pula muro e foge

O ativista cego Chen Guangcheng driblou a vigilância à sua casa, pulou o muro e foi levado a Pequim. Ele estaria na Embaixada dos EUA.

Riotur estimula carioca a ficar fora na Rio+20

O Carioquinha, que dá descontos em atrações turísticas para moradores, incluirá o interior como forma de desafogar a capital durante a Rio+20.

 

 

CORREIO BRAZILIENSE

 

Roubo de veículos cresce 82% no DF

O mais perigoso é que o aumento do roubo de veículos – na média, 11 por dia em janeiro e fevereiro deste ano – está associado aos seqüestros relâmpagos. Nesse tipo de crime, em alta na capital da República, quase sempre a vítima se vê sob a mira de uma arma, é obrigada a dirigir para os assaltantes e, muitas vezes, tem de sacar dinheiro em algum caixa eletrônico. Quando escapa com vida, a pessoa acaba abandonada em algum local ermo. No caso dos furtos surrupiados nada menos que 1.032 veículos nos dois primeiros meses do ano, 144 a mais que em igual período de 2011.

Acredite: esta é a 112/113 Sul

Há oito meses, João Antônio montou sua lona numa área de lazer da Asa Sul, atrás de um prédio de telefonia. Sem se incomodado, o morador de rua até já plantou abacaxis. A invasão cresceu e hoje tem cinco barracas, para desespero dos moradores das quadras vizinhas. Eles temem pela segurança – há denúncia de consumo de drogas -, evitam levar crianças ao parquinho e reclamam do mau cheiro.

Cachoeira: STF libera inquérito e esquenta CPI

A decisão do STF de permitir que a CPI do Cachoeira tenha acesso ao inquérito contra o senador Demóstenes Torres deu início a uma nova peleja dentro da comissão. Enquanto a oposição promete ampliar as investigações, os aliados se preparam para evitar que as apurações atinjam governistas ou até mesmo o Palácio do Planalto.

Censo: Via-crúcis até o trabalho

Dados do IBGE sobre 2010 apontam o drama do trabalhador que, nas grandes cidades, leva em média uma hora para chegar à empresa.

Professores: Em greve, mas sem invasão

Os 70 manifestantes que ocuparam o anexo do Buriti deixaram o prédio. A categoria decidiu manter a paralisação.

Continuar lendo