João Paulo Cunha diz que prestará contas sobre mensalão

Deputado condenado pelo STF distribuiu bilhete aos colegas, convidando-os a ouvir seu discurso no plenário. Previsto para hoje, pronunciamento foi adiado para data ainda não definida

Condenado por corrupção passiva no julgamento do mensalão, o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha (PT-SP) distribuiu aviso aos deputados nesta quarta-feira (5) dizendo que iria à tribuna da Casa hoje para “prestar contas” aos colegas e à “sociedade brasileira” sobre sua “participação” no episódio. Entretanto, auxiliares do deputado disseram ao site que ele resolveu adiar o pronunciamento para uma data ainda não definida.

O Congresso em Foco obteve uma cópia do bilhete aos deputados:

 

João Paulo disse que estaria no plenário da Casa às 15h30 de hoje. Segundo seus auxiliares no gabinete, ele comunicou aos deputados que iria adiar seu pronunciamento. Afirmaram que será necessário ver a agenda do "grande expediente" da Câmara - período da sessão destinado a discursos - para definir a nova data do discurso do ex-presidente da Casa

Tudo sobre mensalão

Saiba mais sobre o Congresso em Foco (2 minutos em vídeo)

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!