Íntegra do parecer sobre o impeachment de Dilma

Para relator, presidente cometeu crime de responsabilidade com pedaladas fiscais e autorização de créditos suplementes sem autorização do Congresso. Texto será votado na próxima semana

A leitura do parecer do deputado Jovair Arantes (PTB-GO) está em curso na Comissão Especial do Impeachment em funcionamento na Câmara. Deputados estimam que procedimento consumirá mais de uma hora. Em seu parecer, o deputado argumenta que Dilma cometeu crime de responsabilidade com as chamadas pedaladas fiscais e a autorização de créditos suplementes sem autorização do Congresso. O relatório do petebista tem 130 páginas.

Leia o material veiculado na página da Câmara

O parecer precisa ser submetido aos 65 integrantes titulares da comissão do impeachment, para votação nominal. Qualquer que seja o resultado no colegiado, o processo será encaminhado ao plenário da Câmara.

De perfil governista, Jovair controla a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) desde o primeiro ano do governo Dilma, em 2011. De lá para cá, indicou todos os presidentes da companhia, diretores e 20 cargos de assessoramento no órgão.

Sob a presidência da deputada Christiane Brasil (RJ), filha do ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), o PTB apoia o impeachment de Dilma, embora haja alguns deputados indecisos sobre o processo. O partido ocupa o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, com o senador Armando Monteiro (PE).

Mais cedo, este site revelou que o Roberto Jefferson – ex-presidente do PTB – está em Brasília para convencer deputados do partido a votar pelo impeachment.

Mais sobre impeachment

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!