Governadores buscam agenda comum para propor a Nelson Barbosa

Pelo menos 13 chefes dos Executivos estaduais confirmaram presença em reunião em Brasília para elaborar propostas contra o desequilíbrio orçamentário e em favor da retomada dos investimentos

Um grupo de governadores aliados do governo federal e da oposição vai se reunir nesta segunda-feira (28), em Brasília, para elaborar uma agenda econômica comum contra o desequilíbrio orçamentário. O documento será entregue ao ministro da Fazenda, Nelson Barbosa. O encontro, proposto pelo governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB), está marcado para as 12h e será realizado na residência oficial de Águas Claras.

Até ontem, 13 governadores de cinco partidos haviam confirmado presença na reunião: os tucanos Geraldo Alckmin (SP) e Marconi Perillo (GO), os petistas Wellington Dias (PI), Camilo Santana (CE), Rui Costa (BA) e Fernando Pimentel (MG), os peemedebistas Luiz Fernando Pezão (RJ), Renan Filho (AL), Marcelo Miranda (TO) e Jackson Barreto (SE), Flávio Dino (MA), do PCdoB, e Paulo Câmara (PE) e Rollemberg, ambos do PSB.

Eles pretendem discutir a adoção de uma pauta conjunta para a retomada dos investimentos e a forma de pagamento das dívidas dos estados. Com dificuldade para fechar as contas, a maioria dos governadores têm adotado a mesma estratégia do governo federal: aumento de impostos e redução de investimentos. Quatro estados (Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Sergipe e Tocantins) adiaram para 2016 o pagamento do 13º salário dos funcionários públicos.

Mais sobre contas públicas

Mais sobre crise econômica

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!