Estudante surpreende campanha de Pedro Paulo com cartaz que o acusa de “bater em mulher”

Ato fez referência a inquérito aberto contra candidato a pedido da PGR em fevereiro deste ano. Entretanto, depois de depoimento da esposa de Pedro Paulo, ministro do STF solicitou arquivamento do processo por lesão corporal

Uma estudante de Niterói realizou uma manifestação durante uma das passeatas feitas pelo candidato à Prefeitura do Rio de Janeiro Pedro Paulo. Enquanto ele tirava foto com eleitores, Roberta Trancoso se aproximou do concorrente à sucessor de Eduardo Paes e abriu um cartaz com dizeres "Pedro Paulo bate em mulher". O atual prefeito da cidade também aparece na foto.

O ato fez referência a um inquérito aberto contra o candidato a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) em fevereiro deste ano. Entretanto, com o seguir das investigações, o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), solicitou o arquivamento do processo por lesão corporal - sofrida por sua esposa, Alexandra Marcondes, em 2010 - em agosto deste ano. O episódio foi registrado no último sábado (1º).

Na sua página oficial do Facebook, Roberta divulgou a foto afirmando que o assessor do candidato "puxou o celular" da mão dela e sinalizou que iria "guardar" o aparelho.

"Só não conseguiu porque eu gritei na cara dele que ele não podia fazer isso", explicou a estudante.

"E ainda empurraram violentamente uma outra amiga minha, só confirmando o que está escrito na foto", acrescentou.

Assista ao vídeo publicado pela estudante na página do Facebook:

Mais sobre Eleições 2016

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!