Empresário que criticou homenagem de enfermeiros a colegas mortos é candidato em GO

O empresário e youtuber Gustavo Gayer será candidato à prefeitura de Goiânia pelo DEM.  Em maio, no começo da pandemia de covid-19, Gayer foi a um protesto de enfermeiros na Esplanada dos Ministérios , em Brasília, e disse que o ato era falso, organizado por gente que fingia ser profissional da saúde.

A candidatura foi confirmada em convenção do partido nesta terça-feira (15). Gustavo Gayer é integrante da Frente Conservadora de Goiânia, que apoia o presidente Jair Bolsonaro.

O ato criticado por Gayer foi o mesmo em que enfermeiros foram agredidos por outros apoiadores de Bolsonaro

No vídeo divulgado em suas redes sociais, Gayer chamou a homenagem a enfermeiros mortos de "fake" e chegou a dizer que conversou com uma moradora de rua que relatou ter recebido um jaleco para participar do ato. Após o episódio, o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) identificou três pessoas que hostilizaram os enfermeiros na manifestação e apresentou representação ao Ministério Público Federal contra os agressores, entre elas, Gayer., que compartilhou nas redes sociais vídeos do protesto chamando o ato de "mentiroso".

No dia 7 de setembro, Gayer participou de um ato na Esplanada. Ele publicou um vídeo em seu canal recebendo o apoio de populares.

> Em protesto, bolsonaristas atacam profissionais de saúde; veja o vídeo 

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!