Dinheiro suspeito é encontrado no Palácio do Buriti

Notas de R$ 50 foram achadas em banheiro na sede do governo do Distrito Federal. As cédulas estavam danificadas e manchadas com tinta rosa, característica de dispositivo de segurança de caixas eletrônicos. Polícia Civil apura o caso

Uma sacola com cédulas de R$ 50 foi encontrada no forro de um dos banheiros masculinos do prédio anexo ao Palácio do Buriti, sede do governo do Distrito Federal. No local, ala oeste do 14º andar, funciona a Controladoria-Geral do DF. O dinheiro estava danificado e manchado com uma tinta rosa, característica de notas roubadas de caixas eletrônicos. De acordo com a Polícia Civil, a sacola foi apreendida e encaminhada para a perícia.

A sacola foi descoberta durante uma varredura realizada no último sábado (22) nos sanitários e copas do anexo do Palácio do Buriti. A denúncia foi feita pelo diretor de gestão do prédio, Rodrigo da Silva Neves, e pela líder da vigilância, Fernanda Carvalho da Silva, durante depoimento prestado. Ainda não há informação sobre o motivo da varredura no Palácio durante o fim de semana.

Leia também:

O mapa da violência no Distrito Federal

Crescimento desordenado aumenta violência em Brasília, apontam pesquisadores

O material apreendido foi encaminhado para a Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos (DRF), que vai apurar a origem do dinheiro. De acordo com a Polícia, provavelmente as notas são fruto de arrombamento de caixa eletrônico. Está sendo apurado, ainda, o envolvimento de quadrilhas que atuam nessa modalidade de crime. O laudo pericial deverá ser concluído em 30 dias.

Mais sobre Brasília

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!