Dilma volta ao Twitter e interage com “Dilma Bolada”

Conta desativada desde 2010 é retomada hoje com conversa descontraída entre a presidenta e autor de paródia. Estratégia de marketing para aproximar presidenta de jovens envolve ainda perfil no Instagram e no Facebook

A presidenta Dilma Rousseff voltou a utilizar sua conta na rede social Twitter nesta sexta-feira (27). Para marcar o retorno da conta que estava inativa desde o final da campanha presidencial de 2010, Dilma interagiu e trocou elogios com o perfil satírico "Dilma Bolada". Mesmo sem ter tido nenhum post nos últimos três anos, o perfil oficial (@dilmabr) tem 1,9 milhão de seguidores. Além do Twitter, Dilma lançou hoje uma conta no Instagram (@palaciodoplanalto), rede social de fotos, e no Facebook. A presidenta também anunciou pelo Twitter a reformulação do Portal Brasil. "Gente, o novo @portalbrasil vai ser a porta de acesso ao governo do cidadão nas redes sociais", escreveu.

Conversa

O autor do Dilma Bolada, Jeferson Monteiro, reuniu-se com a presidenta, no Palácio do Planalto. Os dois travaram uma conversa virtual na qual a presidenta falou sobre o programa Mais Médicos, a espionagem norte-americana e as críticas que a revista britânica The Economist faz esta semana à economia brasileira. Os temas foram propostos pelo perfil fake e respondidos pelo perfil oficial. O encontro foi registrado e a foto foi postada no Instagram oficial.

"Agora é hora de sambar e falar do #MaisMédicos, o programa maravilhoso que tinha que ter até no hospital do Cesar, de 'Viver a Vida'", escreveu Dilma Bolada. Em seguida, a presidente respondeu: "Respeito muito os médicos brasileiros, mas traremos médicos de onde pudermos. Importante é atender melhor a população. Isso é o + médicos".

Dilma Bolada também perguntou se a presidenta se incomodava com o perfil falso. "Muita gente acha que eu não sou eu. Você se incomoda com isso?". Dilma respondeu: "Não me incomodo. Rio muito. A vida sem humor fica muito pesada".

Sobre as críticas feitas pela Economist, Dilma afirmou que a publicação está desinformada. A declaração veio após a provação de Dilma Bolada: "Estou boladíssima com a @TheEconomist... vou falar mais umas verdades agora pra The Recalconomist pelo @dilmabr pq eu falo na cara…". A presidenta então respondeu: "Eles estão desinformados. O dólar estabilizou, a inflação está sob controle e somos o único grande país com pleno emprego", afirmou. "Somos a 3ª economia que + cresceu no mundo no 2º trimestre. Quem aposta contra o Brasil, sempre perde".

A última pergunta da entrevista foi sobre o passeio de moto de Dilma pelas ruas da capital. Além de ter confirmado o passeio, Dilma convidou a personagem para circular sobre duas rodas pela capital federal. "Sim & me diverti pra valer. Será que vc tem carteira pra dirigir moto? Se tiver, da próxima vez, podemos atuar no 8º Velozes e Furiosos", escreveu Dilma.

A volta de Dilma para o mundo virtual faz parte de uma estratégia do governo de se aproximar dos jovens, após o desgaste provocado pelas manifestações de junho em todo o país.

Leia mais sobre "o Brasil nas ruas"

Outros textos sobre Dilma

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!