Dilma prepara vaquinha para bancar viagens, diz jornal

Equipe de Dilma Rousseff prepara campanha de financiamento coletivo para arcar com custos da viagem da presidente afastada. Informações são da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo

A equipe da presidente afastada Dilma Rousseff prepara uma campanha de financiamento coletivo online, conhecida como crowdfunding para arcar com os custos das viagens da petista pelo país. Desde o início do mês, o presidente em exercício Michel Temer limitou as viagens de Dilma com aviões da Força Aérea Brasileira (FAB). Ela só tem direito ao trecho entre Brasília e Porto Alegre (RS), onde mora sua família.

Segundo a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, a conta das viagens de Dilma foi repassada a PT, mas o elevado custo dos deslocamentos impediu o partido de custear as andanças da presidente. Normalmente, ela viaja com pelo menos dez assessores, entre médico, jornalistas, fotógrafo e seguranças. Até agora, o partido bancou apenas uma viagem da presidente, há duas semanas, para um encontro com intelectuais em Campinas.

A dificuldade financeira já fez Dilma faltar a compromissos, como o lançamento de um livro sobre o impeachment em São Paulo ontem (segunda, 20). Ainda de acordo com Mônica Bergamo, há relatos de que o Instituto Lula também está apertando os cintos devido à falta de contribuições de empresas e à escassez de palestras remuneradas do ex-presidente Lula. Em 2011, logo após deixar a Presidência, Lula chegou a fazer 31 palestras (21 delas no exterior). Já no ano passado, fez apenas três.

Leia a íntegra da matéria da Folha

Mais sobre crise econômica

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!