Dilma: governo não está em esquema de corrupção

Para presidente da República, o escândalo não envolve a Petrobras e sim pessoas que cometeram crimes e já estão presas pelo o que fizeram

A presidente Dilma Rousseff disse nesta terça-feira (20), na Finlândia, que o seu governo não está envolvido em esquema de corrupção e evitou comentar declaração feita ontem pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha, de que o governo brasileiro está envolvido no maior escândalo de corrupção no mundo.

“Primeiro, não vou comentar palavras do presidente da Câmara. Segundo, meu governo não está envolvido em nenhum escândalo de corrupção. Não é o meu governo que está sendo acusado atualmente”, disse em entrevista coletiva no país europeu, ao lado do presidente finlandês, Sauli Niinisto.

Ao ser questionada se a Petrobras é uma empresa de seu governo, Dilma respondeu que “não é a empresa Petrobras que está envolvida no escândalo”. “São pessoas que praticaram corrupção e elas estão presas", salientou.

Para ela, o objetivo da oposição é inviabilizar a ação do governo, mas essa ação não será inviabilizada “faça ela [a oposição] quantos pedidos de impeachment fizer”.

Mais sobre crise na base

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!