Deputados tentam votar criação de Sistema Único de Segurança Pública; oposição obstrui

 

O plenário da Câmara dos Deputados discute há horas nesta terça-feira (10) o projeto de lei 3734/12, que cria o Sistema Único de Segurança Pública (Susp) e a Política Nacional de Segurança Pública e Defesa Social para facilitar a atuação conjunta e coordenada das ações em nível nacional. O projeto é o único na pauta da Casa hoje.

Os partidos de oposição, entretanto, anunciaram obstrução política à pauta do plenário em protesto à prisão do ex-presidente Lula. Mesmo com a obstrução, o requerimento de encerramento da discussão do projeto foi aprovado há pouco por 291 votos contra 5. O projeto já pode ser votado pelos deputados, mas o plenário ainda discute outros requerimentos apresentados pelos partidos de oposição.

Mais cedo, a bancada da oposição realizou um protesto contra a prisão do ex-presidente Lula, preso desde sábado (7) à noite na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba. A bancada oposicionista, que reúne mais de 100 deputados na Câmara, posicionou-se nas tribunas e no centro do plenário, em uma espécie de obstrução política. Líderes como Paulo Pimenta (RS), do PT, e Orlando Silva (SP), do PCdoB, discursam e se revezam na tribuna afirmando que Lula é um preso político e foi condenado sem provas.

 

<< Deputados transformam plenário em palco de protesto contra prisão de Lula e obstruem votações. Veja o vídeo

Plenário discute criação de Sistema Único de Segurança Pública; oposição faz obstrução política

 

 

Assista ao vivo

Devido à realização de nova sessão, o Plenário começou a discussão do Projeto de Lei 3734/12, que cria o Sistema Único de Segurança Pública (Susp) e a Política Nacional de Segurança Pública e Defesa Social para facilitar a atuação conjunta e coordenada das ações em nível nacional.

Embora haja requerimento de retirada de pauta da matéria, ele somente pode ser apreciado quando atingido o quórum de deliberação (257 presentes).

A oposição faz obstrução política contra a prisão do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!