Curto-circuito causa incêndio no plenário da Câmara

 

Um incêndio no plenário da Câmara dos Deputados, na manhã desta quinta-feira (25), em Brasília, interditou as principais áreas comuns da Casa, como o salão verde e o comitê de imprensa, onde trabalham repórteres de diversos veículos de comunicação. O incêndio, de acordo com a assessoria, foi causado por um curto-circuito.

De cordo com a assessoria da Casa,  "haverá uma perícia para identificar com mais precisão a origem do problema". Além de quatro poltronas, o fogo também tingiu parte do carpete e também das mesas. As chamas foram percebidaas por volta das 6h30 por um plantonista do Departamento Técnico, que acionou imediatamente a Brigada de Incêndio da Câmara.

"O Corpo de Bombeiros do DF realizou uma perícia ainda no início da manhã e constatou que houve um curto-circuito em uma das luminárias do teto do plenário", disse a assessoria. O local foi isolado e, nesta tarde, a Polícia Civil do Distrito Federal fará uma nova perícia.

Apesar do susto causado aos servidores, ninguém se machucou e "está tudo sob controle", conforme informações da Câmara. Os deputados estão em recesso parlamentar e só retornam aos trabalhos no próximo dia 5 de fevereiro.

<< Os campeões das faltas não justificadas na Câmara

<Oito deputados faltaram a mais da metade das sessões em 2017

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!