Conselho de Ética formaliza novo pedido de informações ao STF

O conselho se reuniu hoje para votar o segundo requerimento de informações que o colegiado faz ao STF. O primeiro foi negado pelo relator do caso, ministro Ricardo Lewandowski

O Conselho de Ética do Senado aprovou hoje (quinta, 19) novo requerimento de informações ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que os senadores integrantes do colegiado possam ter acesso às informações do inquérito aberto para investigar o senador Demóstenes Torres (ex-DEM-GO). O pedido é de autoria do senador Wellington Dias (PT-PI).

Leia outros destaques de hoje no Congresso em Foco

Na semana passada, os senadores já haviam feito um pedido de informações ao relator do caso no STF, ministro Ricardo Lewandowski, que negou o acesso dos ocumentos ao Conselho de Ética, alegando que essas informações são sigilosas e, por isso, só poderiam ser repassadas a uma comissão parlamentar de inquérito (CPI).

Com o apoio do ministro, os senadores formularam novo pedido de informações, desta vez, solicitando apenas os trechos das investigações que se referem às acusações contra Demóstenes Torres, e não mais a íntegra do inquérito.

Na terça-feira (17), um grupo de senadores esteve reunido com Lewandowski para tratar do assunto. Mas de acordo com os parlamentares, o ministro não adiantou se irá fornecer as informações ou não. "Na prática, o ministro não expressou nenhuma decisão sobre se forneceria esses documentos. No entanto, ele falou de precedentes que poderiam embasar decisões futuras. Ele falou que iria ler quando chegasse a decisão do Conselho de Ética e é isso que estamos fazendo", disse o presidente do Conselho, senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE).

Na próxima quinta-feira (25), encerra-se o prazo para que Demóstenes apresente sua defesa prévia, em reunião do Conselho de Ética. Em seguida, o relator, senador Humberto Costa (PT-PE) terá cinco dias para elaborar seu relatório prévio. Demóstenes responde a um processo de quebra de decoro parlamentar, que pode levar a perda de seu mandato. Ontem, ele esteve no Senado e garantiu que só falará sobre o assunto no Conselho de Ética.

Leia mais:

Senado vai pedir acesso a trechos de inquérito contra Demóstenes
Senadores vão ao STF pegar inquérito contra Demóstenes

Conheça o Congresso em Foco

Continuar lendo