CNTU discute emprego e desenvolvimento no Brasil nesta sexta-feira

 

A Confederação Nacional de Trabalhadores Liberais Universitários Regulamentados (CNTU) realiza, nesta sexta-feira (18), a 11ª Jornada Brasil Inteligente. Com o tema “Emprego e Desenvolvimento rumo ao Brasil 2022”, a entidade debate o futuro do país em evento público no auditório do Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo (Seesp), das 9h às 19h, com transmissão online.

A CNTU, entidade que reúne profissionais de engenharia, farmacêuticos, odontologistas, nutricionistas e economistas, lançou o projeto Brasil 2022 para promover discussões com foco em temas como modernidade, democracia, cultura, soberania e desenvolvimento. No evento deste ano, o principal tema é a crise generalizada enfrentada pelo Brasil e a problemática da geração de empregos. Segundo o último dado do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado nesta quinta-feira (17), o desemprego caiu em 11 das 27 Unidades da Federação. Ainda assim, são cerca de 13,5 milhões de desempregados no país.

Segundo o presidente da CNTU, Murilo Pinheiro, a intenção é debater como superar o momento de crise no Brasil. “A ideia é promover um debate de alto nível sobre como superar esse momento e gerar empregos decentes, com qualificação do trabalho, inovação no processo produtivo e inclusão de todos os brasileiros na distribuição de oportunidades e riqueza”, afirmou.

A mesa redonda que dá nome ao evento terá participação do ex-governador do Ceará Ciro Gomes e dos cientistas sociais Peter Poschen, diretor da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil, e Clemente Ganz Lúcio, diretor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). À tarde, o Conselho Consultivo da CNTU se reúne para depoimentos sobre emprego e desenvolvimento e para debater e aprovar o documento que sintetiza as propostas sobre o tema.

No encerramento, será apresentado um monólogo intitulado “Marx baixou em mim... uma comédia indignada”, adaptação de “Marx in Soho”, do americano Howard Zinn. A interpretação é do ator, professor, autor e diretor de teatro Jitman Vibranovski. A performance também será transmitida pela internet.

Brasil 2022

Quando o projeto foi criado, batizado “Brasil 2022: O País que Queremos”, em 2013, a crise socioeconômica no Brasil ainda não tinha as proporções atuais. Naquele momento, segundo a CNTU, a intenção era preparar uma articulação para as comemorações do bicentenário da Independência e celebrar os 100 anos da Semana de Arte Moderna.

O projeto pensava em aprofundar o avanço da democracia e do potencial de desenvolvimento com sustentabilidade social, econômica e política do Brasil. Com o aprofundamento da crise, a CNTU reforça que, após a aprovação da reforma trabalhista, aprovada pelo Congresso e sancionada pelo presidente Michel Temer em julho, a manutenção, ampliação e fortalecimento do projeto é ainda mais necessária.

Serviço:

11ª Jornada Brasil Inteligente - Emprego e desenvolvimento rumo ao Brasil 2022

18 de agosto de 2017 (6ª feira) – das 9h às 19h
Auditório do SEESP – Sindicato dos Engenheiros no Estado de São Paulo
Rua Genebra, 25 – Bela Vista – São Paulo/SP
Informações: (11) 3113-2634 ou atendimento@cntu.org.br

<< Projeto Cresce Brasil: contribuição da engenharia para recuperação da economia brasileira

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!