Cisco nega repasse de informações para agência americana

Em nota, a assessoria da Cisco disse que “a empresa não tem fibra óptica em seu portfólio e não opera links de telecomunicações, seja em fibra ou em outros meios físicos”, ao contrário do que informou reportagem do Globo, incluída no resumo dos jornais feito por este site

A assessoria da empresa Cisco Systems emitiu nota nesta segunda-feira (28) para negar informações divulgadas pelo jornal O Globo em matéria intitulada “Governo ainda não prioriza segurança da informação”, reproduzida ontem pelo Congresso em Foco.

De acordo com o texto publicado por O Globo, a comunicação entre o Palácio do Planalto e a Granja do Torto é feita por um cabo de fibra instalado pela Cisco. E, segundo a reportagem, como a companhia é americana, ela teria de repassar informações à Agência Nacional de Segurança Americana (NSA, sigla em inglês).

Em nota, a assessoria da Cisco disse que “a empresa não tem fibra óptica em seu portfólio e não opera links de telecomunicações, seja em fibra ou em outros meios físicos”.

Em relação à informação de que a empresa teria que repassar informações para a NSA, a assessoria informou que “a Cisco não monitora as comunicações de cidadãos ou organizações governamentais no Brasil ou em qualquer lugar do mundo".

Nosso jornalismo precisa da sua assinatura

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!