Câmara aprova porte de arma para agentes prisionais

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (26) a proposta que concede aos agentes e guardas prisionais o direito de portar arma de fogo de propriedade particular ou fornecida pela respectiva corporação ou instituição, mesmo fora de serviço.  A proposta seguirá para o Senado.

O texto aprovado é o substitutivo da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado para o Projeto de Lei 6565/13, do Executivo.

Antes da votação, o líder do governo, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), explicou que o governo não tem compromisso de sanção com a inclusão dos guardas portuários entre os profissionais que terão porte de arma.

A mudança consta do substitutivo aprovado, do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP). (com Agência Câmara)

Mais sobre segurança pública

Nosso jornalismo precisa da sua assinatura

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!