Bolsonaro cobra auditoria externa das contas do PSL a Bivar

Os advogados do presidente Jair Bolsonaro encaminharam nesta sexta-feira (11) ao presidente do PSL, Luciano Bivar, um documento cobrando maior transparência do partido com uma ampla auditoria nas contas da sigla.

Leia o documento na íntegra clicando aqui

Pelo menos 20 deputados federais do PSL estão insatisfeitos com o comando partidário e apoiam Bolsonaro na guerra contra o presidente da legenda, Luciano Bivar (PE). Esses congressistas e o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) também subscrevem o documento.

O Congresso em Foco antecipou na quinta-feira (10) a elaboração desse pedido.

A reportagem tentou contato com o presidente do PSL, mas não houve retorno. O espaço está aberto para manifestação.

Em entrevista ao Congresso em Foco na quinta-feira (10), Bivar afirmou que há transparência na gestão partidária.

“Para isso nós temos um diretor financeiro, auditores externos e internos. Prestamos conta no último mês agora da movimentação do partido. Não houve nenhuma observação, zero, nem sugestões vieram”, disse.

> Bivar baixa o tom e diz, em entrevista exclusiva, querer manter Bolsonaro no PSL

A crise na sigla foi destacada pelo Congresso em Foco em setembro, quando deputados revelaram ao site que a situação dentro do partido era de racha e possível debandada.

O clima piorou nesta semana, quando Bolsonaro disse para um seguidor esquecer da sigla. Desde então, troca de farpas estão acontecendo dos dois lados. Bolsonaro e seus aliados têm sido mais ferrenhos; do outro, o presidente do partido, Luciano Bivar, e deputados que não fazem parte da ala mais bolsonarista.

Jair BolsonaroLuciano BivarPSL