Argentinos são presos acusados de agredir brasileiros em estádio

Três torcedores foram presos hoje no Mané Garrincha, durante a partida entre Argentina e Bélgica. Suspeita de bomba em mala foi descartada

Três argentinos foram presos neste sábado (5) dentro do estádio Mané Garrincha, durante a partida entre Argentina e Bélgica, pelas quartas de finais da Copa do Mundo. A suspeita de bomba em uma mala fora da arena foi descartada pela polícia.

Dois torcedores da Argentina foram presos pela Polícia Civil, acusados de agredir dois brasileiros Eles foram levados à 5ª DP do Distrito Federal. Outro terceiro argentino, identificado como Pablo Alvarez, foi preso pela Polícia Federal por constar “em lista da polícia argentina de torcedores violentos”. As informações foram prestadas pela Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal.

Provocações

Pouco antes do jogo, torcedores brasileiros se juntaram aos belgas. O Congresso em Foco flagrou cenas de ironias e rivalidades. A torcida belgo-brasileira cantava: “Mil gols, mil gols, mil gols, mil gols, sou Pelé, sou Pelé e Maradona é cheirador”. O ex-atleta Diego Maradona teve problemas com drogas no passado.

Veja o vídeo: torcida chama Maradona de “cheirador”

Ao final da partida, mesmo com a derrota da Bélgica, as provocações continuaram. “Nos vemos na final”, dizia um dos cartazes no estádio. Se a Argentina vencer a Holanda e o Brasil, a Alemanha, haverá um clássico sul-americano na final da Copa do Mundo.

Suspeita de bomba

Segundo a Secretaria de Segurança, uma mala foi deixada nas imediações do Mané Garrincha, mas foi descartada a possibilidade de bomba.

“A polícia adotou o protocolo de segurança para esses casos, descartando qualquer tipo de ameaça por artefato ou material perigoso”, informou a secretaria. “A mala foi encaminhada para a 5ª DP.”

Roubada de bola

Hoje, a Argentina venceu a Bélgica por 1 a 0 pelas quartas de final da Copa. O gol saiu logo no início do primeiro tempo. Após roubada de bola no meio campo, Higuaín recebeu um passe na entrada da área e chutou de primeira para as redes.

A Bélgica não conseguiu reagir o suficiente para mudar o placar. Com isso, o time de Lionel Messi, Di María e companhia vai às semifinais na próxima quarta-feira (9). A Argentina vai enfrentar o vencedor de Holanda e Costa Rica, que se enfrentam hoje às 17h.

Mais sobre Copa do Mundo

Assine a Revista Congresso em Foco em versão digital ou impressa

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!