Mesmo após deixar o Executivo, Aécio usou aeronaves do governo de Minas

Segundo a Folha, os voos foram organizados exclusivamente para ele entre os anos de 2011 e 2012, quando o tucano já exercia o mandato de senador. Aécio alega que voou em "missão oficial" do Estado

Reportagem da Folha de S. Paulo deste domingo afirma que o senador Aécio Neves (PMDB-MG) usou aeronaves do governo de Minas Gerais em pelo menos seis ocasiões mesmo após ter deixado o comando do estado em 2010.

Segundo a Folha, os voos foram organizados exclusivamente para ele, entre os anos de 2011 e 2012, quando o tucano já exercia o mandato de senador. Aécio admitiu que usou as aeronaves, mas alegou que, em todos os casos, voou em missões oficiais em favor do governo do Estado. Na época, Minas era governada pelo hoje senador Antonio Anastasia (PSDB), vice que o sucedeu no cargo.

Os relatórios do Gabinete Militar de Minas revelam que Aécio voou sem presença de autoridades estaduais. Aécio utilizou as aeronaves basicamente em deslocamentos entre Minas e Brasília.

Confira a reportagem da Folha na íntegra

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!