Após ameaça do Ministério Público, Temer afasta vice-presidentes da Caixa suspeitos de corrupção

 

O presidente Michel Temer determinou, nesta terça-feira (16), o afastamento de quatro vice-presidentes da Caixa Econômica Federal por 15 dias. Temer atendeu a pedido do Ministério Público Federal e do Banco Central de afastar os executivos, que são investigados por corrupção. Os dirigentes terão as duas semanas para apresentar suas defesas. A determinação foi feita ao presidente da Caixa, Gilberto Occhi, e ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles.

São alvo de investigações do Ministério Público Federal e do próprio banco quatro vice-presidentes: Deusdina dos Reis Pereira (Fundos de Governo e Loterias), Roberto Derziê de Sant’Anna (Governo), José Henrique Marques da Cruz (Clientes, Negócios e Transformação Digital) e Antônio Carlos Ferreira (Corporativo). Eles são citados nas operações Sépsis, Cui Bono? e Patmos, conduzidas pelo Ministério Público em Brasília.

A decisão foi tomada após a Procuradoria da República no Distrito Federal enviar novo ofício a Temer advertindo que, se não afastasse os quatro dirigentes até o próximo dia 26, ele poderia ser responsabilizado na Justiça caso surgissem novos indícios de crimes.

Essa foi a segunda recomendação do Ministério Público. Em dezembro, os procuradores pediram o afastamento dos vice-presidentes após apontar a “existência de diversas figuras proeminentes na administração da CEF em casos investigados e/ou alvos de investigações”. Com o apoio do Planalto, a Caixa rejeitou a solicitação e manteve os investigados no cargo.

Os vice-presidentes são suspeitos de auxiliar o grupo do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e do ex-ministro Geddel Vieira Lima a viabilizar operações do banco nas quais, segundo os investigadores, houve pagamento de propina.

<< Vice da Caixa é investigada por negociar investimento em troca de cargo na Cemig

<< Caixa mantém no cargo presidente e quatro vices que estão sob investigação

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!