“O senhor envergonhou o Brasil”, diz Eduardo a Levy

Discurso de Levy Fidelix, considerado homofóbico pelo candidato do PV, voltou aos holofotes em debate da TV Globo

A beligerância marcou o último debate presidencial de 2014 reunindo sete candidatos. E, diante das câmeras da TV Globo, líder de audiência no país, ganhou novas dimensões com um breve protagonismo dos chamados partidos “nanicos”, no começo do programa. Mais descontraído em outros encontros, Eduardo Jorge (PV) falou sério quando o assunto foi homofobia: na TV Record, domingo passado, Levy fez discurso classificado como homofóbico que acabou resultando em complicações na Procuradoria-Geral da República (leia mais e veja o vídeo com a fala de Levy).

Carregando no tom de gravidade, Eduardo Jorge sugeriu que Levy pedisse “desculpas à comunidade LGBT”. O interlocutor não cedeu, e retrucou com certo grau de animosidade: “Você não tem moral nenhuma [sic] para me falar disso”. O bate-boca está registrado no vídeo abaixo, separado em trecho de 2 minutos e 38 segundos.

Confira:

Mais sobre as eleições

Assine a Revista Congresso em Foco

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!