“O povo quer mais ética”, afirma Lula em vídeo

Na mensagem de dois minutos, o ex-presidente sugere à presidente Dilma Rousseff que reforce os laços com a sociedade, combata a corrupção e não esconda nada da população. Segundo ele, este é o caminho para Dilma fazer um “governo exitoso e extraordinário”

Às vésperas do anúncio do novo ministério e em meio às denúncias de corrupção envolvendo a Petrobras, o ex-presidente Lula gravou um vídeo em que diz que o povo brasileiro está mais exigente e quer mais ética. Na mensagem de dois minutos, o ex-presidente sugere à presidente Dilma Rousseff que reforce os laços com a sociedade, combata a corrupção e não esconda nada da população. Segundo ele, este é o caminho para Dilma fazer um “governo exitoso e extraordinário”.

Para Lula, Dilma deve assimilar o “recado das urnas”: “O povo quer mais democracia, o povo quer mais participação, o povo quer mais esperança, o povo quer mais ética, o povo quer ser ouvido, o povo quer continuar sonhando. Essas são mensagens que a presidenta Dilma deve assimilar do resultado eleitoral e fazer do seu mandato um mandato histórico”.

De acordo com o ex-presidente, os brasileiros estão mais exigentes porque estão acompanhando mais de perto a política. "O povo está mais exigente, o povo quer mais, o povo está sabendo mais das coisas. O povo está acompanhando mais o processo de desenvolvimento do governo e de um partido político”, declarou.

Durante o seu primeiro mandato, Dilma recebeu críticas inclusive do PT por manter uma relação distante com os movimentos sociais, em comparação com Lula, e por não ter paciência em ouvir aliados políticos. Este é o segundo vídeo de uma série que o ex-presidente gravou que será divulgada pelo Instituto Lula até o final do ano. O primeiro vídeo foi sobre a retomada das relações diplomáticas entre os Estados Unidos e Cuba.

Veja o vídeo:

Mais sobre eleições 2014

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!