Veja os planos eleitorais dos ministros

COMO FICAM OS MINISTROS


Casa Civil
Dilma Rousseff (PT) – disputará a Presidência da República


Ministério da Agricultura
Reinhold Stephanes (PMDB) – disputará a reeleição a deputado federal pelo Paraná


Ministério das Cidades
Márcio Fortes (PP) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério de Ciência e Tecnologia
Sérgio Rezende (PSB) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério das Comunicações
Hélio Costa (PMDB) – pretende disputar o governo de Minas Gerais, mas pode concorrer à reeleição para senador ou ser indicado como vice da ministra Dilma Rousseff


Ministério da Cultura
Juca Ferreira (sem partido) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério da Defesa
Nelson Jobim (PMDB) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério do Desenvolvimento Agrário
Guilherme Cassel (PT) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome
Patrus Ananias (PT) – pretende concorrer ao governo de Minas Gerais


Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior
Miguel Jorge (sem partido) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério da Educação
Fernando Haddad (PT) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério do Esporte
Orlando Silva (PCdoB) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério da Fazenda
Guido Mantega (PT) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério da Integração Nacional
Geddel Vieira Lima (PMDB) – concorrerá ao governo da Bahia.


Ministério da Justiça
Tarso Genro (PT) – o ex-ministro vai concorrer ao governo do Rio Grande do Sul


Ministério do Meio Ambiente
Carlos Minc – disputará novo mandato de deputado estadual no Rio de Janeiro


Ministério de Minas e Energia 
Edison Lobão (PMDB) – tentará se reeleger senador pelo Maranhão


Ministério da Pesca e Aquicultura
Altemir Gregolin (PT) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão
Paulo Bernardo (PT) – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério da Previdência Social
José Pimentel – disputará a reeleição a deputado federal pelo Ceará


Ministério das Relações Exteriores
Celso Amorim – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministério da Saúde
José Gomes Temporão – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministro do Trabalho e Emprego
Carlos Lupi – permanece no cargo, não irá disputar as eleições


Ministro dos Transportes
Alfredo Nascimento (PR) – disputará o governo do Amazonas.


Banco Central
Henrique Meirelles (PMDB) – não resolveu se deixará o cargo para concorrer ao governo de Goiás ou concorrer a outro cargo eletivo. É cotado também para vir a ser o vice de Dilma Roussef

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!