Prefeito em MG que morreu na véspera da eleição foi reeleito com 60,8% dos votos

O então prefeito e candidato à reeleição de Passa Quatro (MG), Antônio Claret Mota Esteves (PV), morreu na véspera das eleições. Ainda assim, ele recebeu os votos de 60,8% dos eleitores da cidade. O Partido Verde fez a solicitação para a substituição do candidato ainda antes do início das votações, mas as urnas já estavam lacradas e a Justiça Eleitoral ainda vai avaliar o pedido.

Antônio Claret estava internado há duas semanas em decorrência de um infarto e foi a óbito na noite de sábado (14). Ele teve 5.638 votos na cidade. Betinho Paiva (DEM) ficou em segundo lugar com 3.302 votos. Em terceiro lugar ficou Dr. Aledson (PSC) com 333 votos.

Em 1986, ele foi o prefeito mais novo da cidade de Passa Quatro, aos 28 anos. Claret também foi vereador, presidente da Câmara Municipal, vice-prefeito e prefeito duas vezes.

Pela lei eleitoral, é permitido a troca de candidatura até 20 dias antes das eleições, mas exceção em caso de morte, quando a substituição pode ser efetivada após essa data. O pedido de troca foi feito no sábado à noite. Se o pedido for aceito, os votos destinados a Antônio Claret vão para o vice Henrique Nogueira Gonçalves. Se a solicitação for indeferida, os votos serão anulados.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!