PDT define apoio a Manuela D’Ávila no segundo turno em Porto Alegre

O PDT decidiu nesta terça-feira (17) apoiar a candidatura de Manuela D’Ávila (PCdoB) no segundo turno em Porto Alegre. Seu adversário, Sebastião Melo (MDB), teve 31,01% dos votos válidos no último domingo (15), ante 29% de Manuela. A decisão do PDT foi tomada em reunião da executiva municipal, em que a maioria votou pelo apoio a Manuela.

Segundo a candidata derrotada do PDT, Juliana Brizola, o partido não será “puxadinho de ninguém”. Ela afirmou que será apresentada uma carta compromisso com posições que a sigla não abre mão. “Queremos compromisso com as causas e com a cidade”, escreveu ela em mensagem no Twitter. Juliana teve 6,41% dos votos válidos na disputa em primeiro turno.

PDT descarta apoio a Eduardo Paes e discute posição sobre Manuela

Na segunda-feira (16), Manuela recebeu apoio do Psol. A Rede Sustentabilidade, que apoiou Juliana Brizola no primeiro turno, também declarou apoio à candidata do PCdoB por meio de tuíte da ex-senadora e ex-ministra Marina Silva.

O atual prefeito da capital gaúcha, Nelson Marchezan Jr. (PSDB), recebeu 21,07% dos votos válidos e ficou de fora do segundo turno. Ele anunciou hoje que não apoiará pessoalmente nenhum dos dois candidatos, mas salientou que o PSDB de Porto Alegre irá se reunir nesta quarta-feira (18) para fechar uma posição partidária.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!