57 cidades terão segundo turno. Veja lista

A decisão sobre quem será o prefeito a partir de 2021 ocorrerá daqui dois domingos (29) em 57 cidades brasileiras – sendo 18 capitais de estado e 39 municípios com mais de 200 mil eleitores.

Algumas capitais e cidades já tiveram suas decisões em primeiro turno, caso de Belo Horizonte, que reelegeu  Alexandre Kalil (PSD) com 63,36 %, ou Curitiba, que deu 59,74% dos votos a Rafael Greca (DEM) para um segundo mandato. Em Salvador, Bruno Reis (DEM) foi eleito para um primeiro mandato com 64,2%, com o apoio de ACM Neto (DEM), o atual prefeito.

Em Osasco, cidade na grande São Paulo com um colégio eleitoral de 567 mil eleitores, Rogério Lins (Podemos) foi eleito para um novo mandato com  60,94% dos votos. Em Barueri, cidade vizinha na região metropolitana, Rubens Furlan (PSDB) manteve uma hegemonia da família na prefeitura, com 85,19% dos votos.

Neste domingo, 25 das 27 capitais brasileiras tiveram eleições em primeiro turno. Macapá teve sua eleição adiada para o início de dezembro por conta do blecaute que atingiu o estado na semana passada. Brasília não elege prefeito.

 

 


> Rio e Fortaleza são as únicas capitais com apoiados por Bolsonaro no 2º turno
> Com maioria dos candidatos fora do 2º turno, Bolsonaro minimiza apoios

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!