Estamos mudando o site. Participe enviando seus comentários por aqui.

Congresso em Foco e PolitiQuem mostram opinião de presidenciáveis sobre polêmicas

O Congresso em Foco estreou nessa sexta-feira (14) uma parceria com o PolitiQuem, plataforma colaborativa que reúne informações sobre as candidatas e os candidatos à Presidência nestas eleições. O conteúdo é composto pelos perfis dessas figuras políticas, assim como pelos posicionamentos deles em relação a temas relevantes.

Na primeira publicação, mostramos que oito dos 13 presidenciáveis são contra a revogação do Estatuto do Desarmamento, lei de 2005 que restringe a posse de armas por civis no país. Apenas Jair Bolsonaro (PSL), Alvaro Dias (Podemos) e João Amoêdo (Novo) são abertamente favoráveis à revogação do estatuto.

Maioria dos presidenciáveis defende desarmamento. Veja a posição de cada um

Nos próximos dias, retomaremos com novo assunto. Esse conteúdo foi produzido com o apoio de estudantes do curso de Jornalismo do Centro Universitário de Brasília (UniCeub). O projeto é apartidário e oferece tratamento igualitário a todas as candidaturas.

"A ideia de criar essa plataforma nasceu num hackathon em março em São Paulo e desde então a gente veio trabalhando muito para conseguir ter ela pronta para essas eleições. Por conta do tempo, decidimos trabalhar só com presidenciáveis, para poder apurar melhor a informação e respeitar um dos mais essenciais princípios editoriais da nossa equipe: a mesma representatividade para todas as candidatas e candidatos”, explica a jornalista Luna Gámez, diretora do PolitiQuem.

Segundo a jornalista, a ideia é ampliar, no futuro, a cobertura da plataforma a todos os candidatos, inclusive de outros cargos, e acompanhar o mandato dos políticos eleitos.

Jornalismo colaborativo

“Esse projeto só é possível graças à colaboração de todos os nossos parceiros, entre eles Congresso em Foco, que foi o primeiro a fechar essa colaboração e confiar no trabalho conjunto com a equipe de PolitiQuem. Hoje, contamos já com seis parcerias fechadas com veículos de informação que estão trabalhando para alimentar a plataforma. Além disso, temos duas colaborações especiais, uma com as Chicas Poderosas, rede de impulsão de projetos de jornalismo, que apoiou e ajudou a gente desde o começo; e com a Meedan, empresa criadora do software Check que é nossa principal ferramenta de trabalho para verificar as informações e trabalhar de forma colaborativa entre todos os parceiros”, explica Luna.

“Tudo isso é um reflexo do princípio do qual partiu a ideia de PolitiQuem: o jornalismo colaborativo. Sentimos a necessidade de juntar todos os conteúdos espalhados sobre as candidatas e candidatos para oferecer de forma clara, comparada e confiável as informações que consideramos mais relevantes para que a população possa exercer seu direito a voto", ressalta a diretora do projeto.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!