Astronauta Marcos Pontes será novo ministro da Ciência e Tecnologia

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) anunciou na manhã desta quarta-feira (31) que o astronauta brasileiro Marcos Pontes será indicado para o Ministério da Ciência e Tecnologia. O anúncio foi feito pelo Twitter do novo presidente. Durante a campanha, Bolsonaro já havia anunciado que Pontes seria indicado para o cargo.


Marcos Cesar Pontes, 55 anos, é tente-coronel da Força Aérea Brasileira e foi o primeiro astronauta brasileiro a ir para o espaço, na missão batizada "Missão Centenário". Nestas eleições, ele disputou como segundo suplente do senador Major Olímpio (PSL-SP).

Ele é o quarto ministro confirmado para o governo Bolsonaro. Além do astronauta, o economista Paulo Guedes vai assumir o Ministério da Economia – que deverá ser a junção das pastas Fazenda, Planejamento e Indústria, Comércio Exterior e Serviços –, o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) será o chefe da Casa Civil e o Augusto Heleno ficará à frente do Ministério da Defesa.

Na segunda-feira (31), Bolsonaro disse em entrevistas às emissoras de televisão que pretende convidar o juiz da Lava Jato, Sergio Moro, para o cargo de ministro da Justiça ou à uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). O presidente eleito também sinalizou que o deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF), condenado em primeira instância por corrupção, deverá fazer parte de seu governo.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!