ACM Neto tenta conter saída de Mandetta do DEM

O presidente nacional do DEM, ACM Neto, vai conversar nos próximos dias com o ex-ministro da Saúde e ex-deputado Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS). O político de Mato Grosso do Sul está insatisfeito com o partido desde que Neto disse que não descartava uma aliança com o presidente Jair Bolsonaro na eleição de 2022."Vamos conversar, mas ainda sem data marcada. Espero que não tenha que sair do partido", disse o presidente do DEM ao Congresso em Foco.

Mandetta foi ministro de Bolsonaro e, por conta das atitudes do presidente na pandemia, é hoje rival do ex-chefe.

O conteúdo deste texto foi publicado antes no Congresso em Foco Premium, serviço exclusivo de informações sobre política e economia do Congresso em Foco. Para assinar, entre em contato com comercial@congressoemfoco.com.br.

>“DEM não é oposição, nem base de Bolsonaro”, diz ACM Neto

ACM Neto também tem reunião marcada para esta terça-feira (9) com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o vice-governador Rodrigo Garcia (DEM). "Sem pauta definida. Apenas atualizações de agendas", disse Neto.

O encontro acontece em meio à tentativa do PSDB de atrair quadros do DEM. São eles o próprio vice de Doria, Rodrigo Garcia, e o ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ), que já falou que vai sair da legenda e trocou acusações, nessa segunda-feira, com ACM Neto e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado.

Continuar lendo