TSE perto de definir banca examinadora de concurso

Provisoriamente, foi escolhida como examinadora a Consulplan, mas as empresas concorrentes ainda podem recorrer da decisão

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) escolheu provisoriamente a Consultoria e Planejamento em Administração (Consulplan) como banca examinadora do concurso público. Ainda não está definido que será a Consulplan a responsável pelo concurso porque há um período de recursos em que as concorrentes podem recorrer da decisão. De acordo com a presidente da comissão do concurso, Zélia Oliveira de Miranda, o prazo para ter a decisão final é de 15 dias. Além da Consulplan, há pelo menos mais cinco instituições interessadas em organizar a seleção pública.

Os cargos que serão disponiblizados serão de técnico e analista, respectivamente de nível médio e superior, com remuneração de R$ 1.331,03 a R$ 7.214,52.  Ainda não foi estipulado o número de vagas, porém como as oportunidades são destinadas à sede do tribunal, em Brasília, a previsão é que essas sejam de cadastro de reserva.

Quanto a Consulplan, essa banca se assemelha ao estilo da Fundação Carlos Chagas (FCC), com questões de múltipla escolha (A, B, C, D, E).

Informações do site Folha Dirigida.

 

Saiba mais sobre concursos públicos no site SOS Concurseiro

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!