MEC contesta reitor argentino e divulga certificado de Decotelli

Franco Bartolacci, reitor da Universidade de Rosário, na Argentina, afirmou pelo Twitter que o novo ministro da Educação, Carlos Alberto Decotelli, não obteve o grau de doutor na instituição como mencionado pelo presidente Jair Bolsonaro na tarde de quinta-feira (25) ao fazer o anúncio do novo titular da pasta.

O Ministério da Educação contestou a informação do reitor e afirmou que o ministro  concluiu, em fevereiro de 2009, "todos os créditos do doutorado em Administração pela Faculdade de Ciências Econômicas e Estatística da Universidade Nacional de Rosário, na Argentina". (Confira o certificado aqui)

No entanto, o documento não fala sobre a entrega da tese de doutorado. De acordo com informações  da CNN Brasil, Decotelli fez o curso na universidade argentina, mas sua tese não teria sido aprovada e ele não teria tentando outra vez.

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!