IPCA fecha julho em 0,36%, maior percentual para o mês desde 2016

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, ficou em 0,36% em julho. É o percentual mais alto para o mês desde 2016. O IPCA havia ficado em 0,26% em junho.

No ano, a inflação acumulada é de 0,46%. Em relação aos últimos 12 meses, o IPCA está em 2,31%. A meta para 2020 é de 2,5%.

> Senado aprova projeto que limita juros no cartão de crédito e cheque especial

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou os dados nesta sexta-feira (7), a inflação de julho foi puxada pela gasolina e pela energia elétrica. O maior impacto ficou com o setor de transportes, que teve alta de 0,78%, impulsionado pela alta da gasolina (3,42%).

Dos nove grupos de produtos e serviços pesquisados, seis apresentaram alta em julho. O maior impacto (0,15 ponto percentual) veio dos Transportes (0,78%). Em seguida, veio o grupo Habitação (0,80%), que acelerou em relação ao resultado de junho (0,04%) e contribuiu com 0,13 p.p. Já a maior variação positiva veio dos Artigos de residência (0,90%), com impacto de 0,03 p.p. O grupo Alimentação e bebidas, por sua vez, ficou próximo da estabilidade, com alta de 0,01%

No lado das quedas, o destaque ficou com Vestuário (-0,52%), cujos preços caíram pelo terceiro mês consecutivo. Os demais grupos ficaram entre a queda de 0,12% em Educação até a alta de 0,51% em Comunicação.

Fonte: IBGE

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!