PT no Senado vai à DPU contra ação que questionou programa do Magazine Luiza

A bancada do PT no Senado vai entrar com uma representação junto à corregedoria da Defensoria Pública da União (DPU) contra o defensor Jovino Bento Júnior. Ele é autor da Ação Civil Pública que tenta impedir o Magazine Luiza de promover um trainee destinado exclusivamente a pessoas negras.

Na ação, Bento Júnior acusou a empresa de promover “marketing de lacração” com o anúncio do programa de trainee. Ele pede R$ 10 milhões de reparação à empresa por danos morais coletivos.

“Devemos combater todas as formas de racismo, principalmente o racismo institucional”, disse o senador Paulo Paim (PT-RS), presidente da Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal e único senador negro do Brasil.

A DPU divulgou nota explicando a liberdade funcional de seus membros e defendendo políticas de cotas que gerem inclusão no mercado de trabalho. O texto deixa claro que a posição do defensor em questão não representa o pensamento de toda a instituição.

Em seguida, defensores públicos federais que integram o Grupo de Trabalho Políticas Etnorraciais da Defensoria Pública da União manifestaram “profundo repúdio” à ação de Bento Júnior.

> Após ação de defensor contra Magazine Luiza, DPU defende trainee para negros

Defensores repudiam ação de colega contra trainee do Magazine Luiza

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!