Damares é alvo de protesto em conferência no Chile

A ministra da Família, Mulher e Direitos Humanos, Damares Alves, foi alvo de protestos na 14ª Conferência Regional sobre a Mulher da América Latina e Caribe, que acontece no Chile. A ministra discursava sobre o combate à violência contra a mulher no Brasil, quando um grupo se levantou e ficou de costas para a ministra, que continuou seu discurso.

> Damares rebate críticas e defende proposta de abstinência sexual

O evento acontece na sede da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL), em Santiago. Este é o principal fórum inter-governamental sobre os direitos das mulheres e a igualdade de gênero na região.

A conferência é convocada regularmente desde 1977. Dentre outros pontos, ela busca apresentar "recomendações em termos de políticas públicas de igualdade de gênero e realizar avaliações periódicas das atividades voltadas ao cumprimento dos acordos regionais e internacionais".

As últimas edições aconteceram em Montevidéu (2016), Santo Domingo (2013), Brasília (2010) e Quito (2007).

> Regina aprofunda noivado com Bolsonaro depois de apoiar Doria, FHC e Serra

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!