PT e PSDB divulgam vídeos sobre o mensalão

Presidente do PT diz que o esquema não foi provado pela acusação e que as acusações são injustas. Já o PSDB classifica o caso como o “maior escândalo de corrupção já registrado no país”

Às vésperas do início do julgamento do mensalão, o principal partido do governo e o principal partido de oposição divulgam vídeos com suas versões sobre o caso que começará amanhã (2) a ser julgado no Supremo Tribunal Federal (STF) na Ação Penal 470.

O PT começou a enviar por e-mail o vídeo gravado pelo presidente do partido, Ruy Falcão. Na mensagem, o partido diz que vem sendo “massacrado pela mídia e pela oposição”, sem chance de apresentar a sua versão do fato. Assim, pedem “aos petistas que colaborem com a divulgação, para termos a nossa versão, mesmo que reduzida, circulando pelo país”.

No vídeo, Ruy Falcão nega a existência do mensalão e diz que não há provas de pagamento a políticos e partidos em troca de votações no Congresso, e que os projetos do governo foram aprovados mesmo com votos da oposição.

Veja o vídeo de Ruy Falcão:

Já o PSDB começou a divulgar na segunda-feira (30) um vídeo que historia o caso, classificando-o como o “maior escândalo de corrupção da história do país”. O vídeo mostra imagens do ex-presidente Lula mudando sua versão sobre o caso (primeiro pedindo desculpas e depois dizendo que o caso lhe cheirava a "folclore”) e mostra trechos de depoimentos do delator do caso, Roberto Jefferson, e do publicitário Duda Mendonça, entre outras imagens, na CPI dos Correios, que investigou o mensalão.

Veja o vídeo do PSDB:

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!