Deputado do PL do Maranhão é alvo de operação da PF por corrupção

O deputado federal Josimar Maranhãozinho (PL-MA) foi alvo de mandado de busca e apreensão cumprido por operação da Polícia Federal, na manhã desta quarta-feira(9), em São Luís e em cidades do interior do Maranhão, regiões que são redutos eleitorais do parlamentar. As informações são do portal G1.

>Lira enfrenta resistência do Centrão e aposta na divisão da esquerda

A operação autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski cumpriu um total 27 mandados na região. Ela determinou também o bloqueio de mais de R$ 6 milhões em patrimônio do congressista.

A investigação iniciada a quatro meses apura desvios de emendas parlamentares na área da saúde. Estima-se um prejuízo de R$ 15 milhões aos cofres públicos. A polícia aponta para um esquema em que o deputado destinou recursos de municípios maranhenses. Os Fundos Municipais de Saúde fechavam contratos fictícios com empresas de fachada, que pertencem ao político, e que segundo a investigação estariam em nomes de laranjas. Os valores eram encaminhados para o deputado pelo escritório regional parlamentar.

A assessoria do parlamentar informa que o deputado foi "surpreendido" pela operação em sua casa. Diz ainda que ele está tranquilo e se coloca à disposição da Justiça.

Quanto aos desvios de recursos, a assessoria do deputado afirma que Josimar destinou mais de R$ 15 milhões aos municípios maranhenses, mas os recursos foram distribuídos e aplicados de forma legal.  A assessoria explica também que o montante em espécie encontrado na casa e escritório do deputado é referente a atividade pecuária e empresarial, e não ultrapassa o valor declarado à Receita Federal, por meio da Declaração do Imposto de Renda de 2020.

>Senado tenta reincluir Gil, Milton e outras personalidades negras em lista de notáveis

Continuar lendo

Assine e obtenha atualizações em tempo real em seu dispositivo!